AQUI PERTO

Atividades- Casas do Vale do Ninho
Passeios nas proximidades.

As casas do Vale do Ninho têm uma localização previlegiada numa das 27 aldeias da rede de Aldeias do Xisto, em plena cordilheira da Serra da Lousã, bem no Centro de Portugal. A 2 horas de Lisboa e Porto e 35 minutos de Coimbra (cuja Universidade foi recentemente classificada patrimonio mundial da UNESCO), com ligações por auto-estrada (A13), proporcionamos-lhe um retiro de paz e harmonia com a natureza na Ferraria de São João. Nas imediações existem vários locais de interesse históriico e cultural (ruínas de conimbriga e do rabaçal) e muitas infra-estruturas turisticas como Percursos Pedestres e Centros de BTT sinalizado, assim como praias fluviais. Experimente a nossa aplicação móvel para Android e iPhone disponivel nas respectivas lojas online que o auxilia na descoberta de todos os pontos de interesse turistico e percursos (basta procurar por Vale do Ninho).

Praias Fluviais

Eis a nossa seleção das praias fluviais mais proximas do VN:
- Fragas de São Simão (10km) (c/ bar)
- Ana de Aviz (12km) (c/ snack-bar)
- Louçainha (21km) (c/ restaurante)
- Praia das Rocas (24km) (c/ ondas artificiais!)
- Mosteiro (22km) (c/ restaurante)
- Senhora da Piedade (36km) (c/ restaurante)
Praia de mar mais proxima:
- Osso da Baleia (69km)

Castelos (Penela, Lousã, Montemor)

A vila de Penela (15km) é a capital do concelho possui um belo castelo, possível de visitar, classificado como monumento nacional. A sua construção data do século XI, embora o que subsiste hoje tem origem nos séculos 14 e 15. No interior do castelo encontra-se a igreja de São Miguel, que foi construida no seculo XII. Continuando mais 21 km chegamos a Lousã onde encontramos outro castelo construído num local muito particular num pequeno e estreito vale, junto à praia fluvial da Sra. da Piedade (e onde começam espetaculares percursos pedestres). Continuando na linha de castelo e muralhas do Mondego, passando por Coimbra, poderá visitar o Castelo de Montemor, os campos de arroz do Mondego e finalmente as muralhas na Figueira da Foz.